ArabicBasqueBelarusianCatalanChinese (Simplified)DutchEnglishFrenchGermanItalianPortugueseRussianSpanish
VIRADA À ESQUERDA NA AMÉRICA LATINA? Lula pode vencer no primeiro turno?

VIRADA À ESQUERDA NA AMÉRICA LATINA? Lula pode vencer no primeiro turno?

De acordo com a última pesquisa do Datafolha, Lula (PT) teria 47% das intenções de votos, seguido por Jair Bolsonaro (PL) com 28% dos votos.

Muito mais longe estariam Ciro Gomes (PDT) com 8%, André Janones (Avante) 2%, Simone Tebet (MDB) 1%, Pablo Marçal (Pro) 1%, Vera Lúcia (PSTU) 1%. Os votos brancos e nulos seriam de 7% e os indecisos 4%.

No segundo turno, Lula teria 57% dos votos contra 34% de Bolsonaro. O índice de rejeição de Bolsonaro é de 55%.

O que mais chama a atenção sobre esses números sobre a grande vantagem de Lula e o seu vice direitista Alckmin é como a grande imprensa burguesa os apresenta. É exatamente a mesma naturalidade com a qual esmagou Lula em 2018 e o inviabilizou como candidato enquanto a Operação Lava Jato impôs o bolsonarismo em todas as esferas do Brasil para acelerar a entrega ao grande capital internacional.

O imperialismo norte-americano vive a sua pior crise de todos os tempos. É por esse motivo que impôs a guerra na Ucrânia, e nada menos que a uma superpotência nuclear, a Rússia. De acordo com o chefe da CIA e outros altos funcionários do governo Biden, isso foi feito porque a Rússia é o principal aliado da China que é considerada como o principal inimigo dos Estados Unidos de todos os tempos.

A “saída” capitalista para sua crise é a guerra, com a possibilidade de impor o estado de sítio, a corte marcial e fazer todo tipo de manobras na tentativa de salvar os seus privilégios a qualquer custo.

Como parte desta política está a imposição de governos de “esquerda” hiper direitizados, como o governo Boric no Chile, Petro na Colômbia e Lula/ Alckmin no Brasil, dada o enorme desgaste gerado pelos governos direitistas anteriores.

A política revolucionária não pode ter nenhuma ilusão sobre esses governos que são agentes do imperialismo norte-americano e inimigos acérrimos dos trabalhadores e dos povos latino-americanos.

A pressão da burguesia só aumenta conforme aumenta a crise capitalista. Este é o motor dos levantes de massas e das revoluções. É dever dos revolucionários elaborar a linha política a partir do Programa Revolucionário e materializá-la em medidas organizativas orientadas a organizar a luta dos trabalhadores e do movimento de massas.

COMPARTIR:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

1 comentario en «VIRADA À ESQUERDA NA AMÉRICA LATINA? Lula pode vencer no primeiro turno?»

Deja un comentario

Plataforma Latino Americana